Tratamento Injetável Peniano

Disfunção Erétil é a incapacidade persistente em obter e manter uma ereção suficiente para permitir uma relação sexual satisfatória. Essa condição pode afetar gravemente a saúde física e psicológica do paciente, influenciando a qualidade de vida tanto do paciente quanto da parceria.

Esses pacientes devem ser avaliados e tratados de forma adequada. Após uma avaliação de tratamento de causas base, normalmente se inicia com melhoras de hábitos de vida e tratamentos não medicamentosos aliados a medicações orais. Quando esses tratamentos não são efetivos, são contra indicados ou intoleráveis pelo paciente, devemos nos preparar outras linhas de tratamentos.

Esse tratamento é considerado uma segunda linha para abordagem de disfunção erétil, apresenta ótimos resultados e pode ser usado com segurança em paciente de qualquer idade, desde que não tenha contra indicação e seja realizado de forma adequada e com acompanhamento especializado.

Após injetada com agulhas extremamente finas e indolores, as medicações relaxam a musculatura lisa do pênis e dilatam os vasos, permitindo o aumento de fluxo sanguíneo para o interior do pênis, desencadeando a ereção. Os medicamentos mais frequentemente utilizados são prostaglandina, papaverina e fentolamina. Suas doses e combinações são determinadas a cada caso, permitindo o melhor resultado para o paciente, mesmo em casos mais complexos.

Como é feito?

Inicialmente é realizado um teste de ereção em consultório, onde o Urologista proporciona o “treinamento” ao paciente, demonstrando como e onde fazer as aplicações além de ajustar a dosagem inicial necessária. Após essa etapa e com o paciente seguro e bem orientado, ele fará sua aplicação em casa, sozinho ou com ajuda da parceria.

Quanto tempo demora para fazer efeito?

Após a aplicação correta, o efeito esperado ocorre em aproximadamente 10 minutos.

Quais os riscos?

Esse tratamento possui poucas contra indicações e baixa incidência de efeitos colaterais. Quando relatados podem ser: dor, hematoma ou equimose no local da aplicação, ereções prolongadas, fibrose peniana e priapismo.

Quais os cuidados que deve ter?

A dose inicial deve ser ajustada pelo seu médico. Não deve ser aplicado mais de uma dose em menos de 24 horas sem conhecimento do seu médico. Em caso de ereção prolongada acima de 2 horas deve entrar em contato com seu médico ou ir ao pronto atendimento de referência para reverter o quadro.
Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá,
Podemos ajudar?