Próteses penianas: como funcionam e qual escolher?

prótese peniana inflável

Já falei aqui no site sobre as próteses penianas, suas características e diferenças. Falei também sobre as indicações para o uso de qualquer uma delas. Hoje, quero lhe explicar alguns detalhes sobre a prótese peniana inflável.

Cada um dos tipos de prótese peniana – a inflável ou a maleável, também chamada de semirrígida – oferece vantagens e desvantagens ao paciente. Por exemplo: a prótese maleável tem custo mais baixo, é de fácil manipulação e é implantada por meio de uma cirurgia mais simples. Enquanto isso, a prótese inflável oferece uma aparência mais natural, permite o retorno ao estado de flacidez e tem a possibilidade de atingir maiores calibres. Você pode saber mais sobre as próteses penianas lendo este artigo.

Agora, olhando mais de perto…

A prótese peniana inflável tem altos índices de satisfação, que podem variar entre 92 e 96%. Essa satisfação ocorre tanto por parte do paciente quanto da parceira. Ou seja, a vida sexual do casal dá um grande salto de qualidade. Com o enchimento dos cilindros, totalmente controlado pelo usuário, promove-se a expansão circunferencial do pênis, de modo muito semelhante a uma ereção natural, sendo impossível perceber a diferença. Em alguns casos, como os pacientes que sofrem com a doença de Peyronie, na qual o pênis sofre um encurtamento, o implante da prótese peniana pode, até mesmo, fazer aumentar um pouco o comprimento do pênis, aproximando-o do tamanho normal. Mas, claro, dentro de certos limites anatômicos e estéticos.

Além disso, projeta-se esse tipo de prótese para uma maior facilidade no implante, o que torna a cirurgia mais simples, e dá uma maior facilidade de uso. Estão disponíveis hoje em dia no mercado próteses infláveis revestidas com Parylene, que melhoram a durabilidade do dispositivo a longo prazo.

Sabemos que a anatomia de cada paciente varia muito. Por isso, próteses penianas infláveis também são produzidas com o objetivo de alcançar bons resultados, mesmo em pacientes com corpos proximais (a parte do pênis mais próxima do corpo, a raiz do órgão) difíceis de dilatar. É importante dizer também que o médico cirurgião faz o implante da prótese peniana de modo que ela fique firme em relação ao corpo. Desse modo, podemos entender que a parte de trás da prótese fica implantada dentro do corpo do paciente, e não somente no pênis. Isso garante uma conexão segura e rígida e maior estabilidade na hora da ereção.

Detalhes sobre a prótese peniana inflável: controle total

Uma das características da prótese inflável é justamente a possibilidade que o homem tem de conseguir uma ereção sempre que desejar. Por isso, entre os detalhes sobre a prótese peniana, há um muito importante: ela possui uma válvula de bloqueio, para impedir a auto-inflação. Ou seja, para que não aconteça que o mecanismo acione-se acidentalmente e promova uma ereção em algum momento impróprio.

E existem riscos de infecção?

Ao conhecermos mais de perto a prótese peniana inflável, é necessário também considerar os possíveis eventos adversos. Um deles é a infecção. Em geral, qualquer procedimento invasivo traz consigo a possibilidade de uma reação adversa por parte do organismo. Mas, isso não ocorre em todos os casos.

De fato, pacientes com diabetes ou lesões na medula têm maiores riscos de terem alguma infecção pós-cirúrgica. Tudo isso será acompanhado pelo seu médico urologista, que deverá ser consultado regularmente pelos meses seguintes ao procedimento.

E você? Já conhecia esses detalhes sobre a prótese peniana inflável? Converse com o seu urologista sobre esses e outros benefícios que ela pode lhe oferecer.

Categorias
Artigos mais recentes

AGENDE UMA CONSULTA

Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá,
Podemos ajudar?